8/14/2012

Aquele das Dicas para a Personal Letter

Oi, meninas e meninos!! Como anda essa vida auperiana?? Rsrsrs.. Espero que bem!! A vida do lado de cá anda corrida, as always! Como vocês sabem, eu sou professora e as aulas que dou às sextas-feiras, por um projeto de extensão da UnB, voltaram essa semana. Ou seja = mais trabalho! Tem o blog deles que preciso atualizar, o planejamento que fazemos em grupo e blá blá blá... Mas vamos ao post de hoje?

AMIGASSSSSSSSS (os), depois de 19 contatos por e-mail, com meninas do país inteirinho e depois de me encantar pela garra e determinação de cada uma delas, resolvi fazer um post que iria ajudar a sanar a maioria das dúvidas na hora de escrever a carta para a host família. Criei esse post porque dos 19 e-mails que li, apenas 3 responderam da melhor forma, a forma mais completa, as perguntas que fiz. Nãooooooo, people!! Não vou colocar o nome de ninguém aqui! Vou só falar com vocês de como deveria ser uma carta, ok?! Vamos lá:

1) Divida em parágrafos! Os parágrafos não são seres imaginários criados para te meter medo e atormentar! hahaha.. Eles realmente fazem muita diferença em uma carta e devem ser organizados de maneira progressiva (não, querida! Não como o seu cabelo!! BRiNKS!!! hahaha)!! Anotem ai: o 1 parágrafo é o que fala somente de você. O segundo fala da sua familia. O terceiro da sua vida no Brasil e do seu cotidiano. O quarto da sua experiência e o quinto, e último, das suas expectativas com o ano de au pair!! Viu como ficou linda a nossa organização. A média é de 4 linhas por parágrafo. (Sim, lindas, isso se chama "estilística" e conta ponto.)

2) Escreveu? Agora corte! Simmmmm.. faz parte! Cortar o que sobrou. O que a host family NÃO PRECISA saber sobre você. Que você perdeu uma unha semana passada ou que tem dor de barriga sempre que come sardinha, não vão te ajudar! Corta, amiga (o). Sem medo! Nada que seja irrelevante deve estar na carta.

3) Não esconda nada! Se você não toma leite, conte! Se você só lava o cabelo com água e farinha, diga! Diga coisas que farão falta durante o seu ano. Coisas relevantes para você! Exemplo real: eu contei que não gostaria de passar mais de dois dias sem falar/ver minha familia aqui no Brasil. Resultado: quando cheguei lá, havia um laptop no meu quarto e ela me ajudou a comprar um cartão telefônico*. Outra: quer falar que tem uma tatoo ou piercing na carta? Ou que está querendo fazer uma quando chegar aos EUA, fale! Seja sincero! Imagina a family descobrindo depois e se decepcionando com você?! Conta logo, né?

*Nos EUA, você pode usar o cartão telefônico do tel de casa mesmo. Você liga no número que vem no cartão, digita um código que tem atrás e só depois disca o número do Brasil. Fácil demais! Custa, normalmente, U$ 5 Obamas e vende em postos de gasolina e supermercados. 

4) Seja Gentil!! Comece a sua carta com "Dear Host Family" e termine com "Tchau from Brasil" ou "Kind Regards" ou ainda "Best Wishes" e só então assine seu nome ou apelido (you can call me Tarci*...)! Use palavras amenas e educadas. Por exemplo: evite dizer EU ODEIO... diga simplesmente I DO NOT LIKE. 

*Meu apelido antes de ir era Tatá, mas tem um significado nada legal em inglês... hahaha.. atenção meninas com o mesmo apelido que eu: arrumem outro apelido!! Hahahaha...

5) Interaja! Converse com a family na carta. Por exemplo: no final de cada uma das coisas que você escrever sobre você, sua vida e sua família, pergunte como é a deles. Por exemplo: I love my pets. How about you? Do you have any pets? Essa aproximação por meio da carta de apresentação mostra que você tem interesse na vida deles e que quer fazer parte da família (eu sou dessas!)! E imagina você lendo uma carta de alguém que não disparou a escrever tudo em 30 linhas! Imagine-se lendo uma carta de alguém que realmente se preocupa com você, que quer te conhecer e entender. Bem mais legal!

6) A questão de 1 milhão de Obamas! Por que você quer ser au pair? Perguntei 19X e só ouvi 3 respostas plausíveis. [Acho que não preciso dizer quem escreveu o quê, né? O ponto, como disse antes, é dar dicas e ajudar a todas (os). E outra: a consultoria eu faço em off justamente por isso!] Olhem só: vocês não querem ser au pair para fazer cursos, viajar ou conhecer a cultura dos EUA. Claro que vocês querem isso também!! hahaha.. mas o motivo número 1 deve ser PORQUE VOCÊS GOSTAM DE CRIANÇAS, ok? Deve aparecer assim na carta de vocês! E só então outros motivos... por exemplo: I want to be an au pair because I really enjoy working with kids and it seems like a great chance to improve my English and to know a new culture. Viu?? Nem é tão complicado assim... Mas como os motivos mudam, deixo essa reposta basicona mesmo... é só para darem uma ideia a vocês. Na boa? Ninguém aqui, que precisasse de uma cozinheira, contrataria alguém que quer ir morar com você porque gosta e quer aprender a limpar a piscina. Você quer contratar alguém que vai fazer o serviço que você precisa que seja feito da melhor maneira possível, né?

7) Last but not least: REVISÃO!! Pelo-amor-di-Godi, galeeera, revisem a carta ao final, né? Leiam duas, três vezes EM VOZ ALTA e lembrem-se: se não soou bem aos ouvidos é porque, provavelmente, está errado. Depois, façam a caridade de encontrar uma amiga, com nível de inglês bom, para dar uma olhada também. Existem erros que deixamos passar batido mesmo depois de tantas leituras! 

É isso, meninas! Alguma dúvida? Comentem ai!! Gostaria de agradecer aos comentários do último post (valeu, meninas!) e de dar os parabéns à Mia... Minha lindinha completou ontem mais um ano de vida. Lembro dela com 3 anos... agora está uma mocinha!! #CRY!


agosto de 2006 = 4 anos. Essa foto ganhou o concurso da CC nesse ano! 


agosto/2012= 11anos
Happy B-Day, Mia!! 

7 comentários:

Camila Reis disse...

Adoreii. foi o post mais direto que ja vi sobre a taal carta. :D rs

Just Dream Valéria disse...

Perfeito,eu adorei,vai ser muito util.Obrigada e Parabéns Mia!!bjos até mais

Daniela Souza disse...

Otiimo post, amei o blog!!

Obrigada pela visiita, to retribuindo e vou seguir aqui tambem o/

e eu quero siim, fazer parte das * Amigas Au Pairs ;D

beeeijos

Nathaly Pavanella disse...

Tarci!! *--* Que honra você no meu humilde blog haha. É, o processo é longo mesmo, tô nessa a três anos. Tarci, você pode me dar seu e-mail? Quero sua consultoria *-* E me adiciona ein, nas amigas au pairs de são Paulo *--* Terminei minha letter, queria sua opinião. Como a gente faz? *-* Um beeeeijo!

♥Dani♥ disse...

oi Tarci adorei seu blog e as dicas, seguindo aqui, vou querer sim que você me liste na listas das amigas AP do seu blog e obrigada pela ajuda! bjs

Lívia disse...

Oiii Tarci...mtuu bom seu blog..eu murchei a bola e vou colocar na despachada sim!!!
Vou querer q vc mi liste na amigas AP como faço?

esou seguindo seu blog jah

Bjaooo

Tarciana disse...

Oi, meninas!! Vou add todas vocês na lista hoje ainda, ok?? É que tô enrolada aqui planejando umas aulas!! Que feliz saber que vocês gostaram da minha visitinha de ontem no blog de vocês!!Rsrsrsrs :) Visitei vários, pena que uns estavam trancados!! hahaha

beijos!!